O RaceRunning é um desporto projetado para atletas com deficiência e equilíbrio. Os atletas usam uma bicicleta de corrida, chamada RaceRunner, que possui uma estrutura de três rodas sem pedais com suportes para o selim e para o tronco. A bicicleta RaceRunner permite que indivíduos com Paralisia Cerebral, Distrofia Muscular, Doença de Parkinson, espasticidade e outras deficiências que impedem o equilíbrio e a mobilidade, andem e corram sob sua própria aptidão. Os eventos organizados envolvem atletas que competem em uma variedade de distâncias semelhantes às corridas tradicionais, de 40 a 3000 metros ou mais.

Atualmente, a RaceRunning é desenvolvida pelo CPISRA: Cerebral Palsy International Sport Rescreation Association com atletas de Portugal, Austrália, Brasil, Canadá, Dinamarca, Inglaterra/País de Gales, Ilhas Faroe, Hungria, Noruega, Escócia, Espanha, Suécia e EUA participantes em eventos competitivos.

 Além dos eventos competitivos, a utilização de uma bicicleta RaceRunner de forma recreativa oferece oportunidades significativas para as pessoas com deficiência simplesmente gostarem de caminhar e correr – uma experiência que de outra forma não seria fácil para muitos. O valor da RaceRunner em fornecer oportunidades desportivas competitivas e recreativas é incomparável para quem passa a maior parte do tempo confinado a uma cadeira de rodas elétrica ou em outros dispositivos auxiliares para tornar a mobilidade uma realidade prática.